Promoção SSM e todo apoio a Brian Shima!

Apresentamos no último post a série ‘666’ da SSM, são 6 vídeo, 6 minutos por 6 dólares cada. O primeiro vídeo já está disponível para compra no ‘Vimeo’ e custou caro para Brian Shima. Patinador lendário, aos 33 anos, sofreu um sério acidente na gravação da última manobra para sua parte. Depois de se perder em um gap, espatifou os dois calcanhares e ficará um ano ou mais sem colocar os patins nos pés, sendo que os três primeiros meses serão em cadeiras de rodas sem poder levantar, após a cirurgia de reconstrução. No entanto Brian está encarando o acontecido de forma positiva e em resposta ao apoio e carinho dos amigos e fãs, resolveu fazer uma promoção com os patins usados para gravar seu vídeo.

Para participar da promoção é simples, mas antes compre o primeiro episódio no Vimeo (www.vimeo.com/ondemand/666series) e tenha uma conta no Instagram!

Promocao SSM - The 666 Series1 – Siga @ssmskate e @brianshima no Instagram;

2 – Poste uma cena da sua parte favorita do primeiro episódio – The 666 Series (até o dia 30 de abril);

3 – Certifique-se que marcou na foto @ssmskate e @brianshima;

4 – Use na foto as hastags #ssmfullrip e #666series;

5 – Duas pessoas serão escolhida para ganhar um dos patins autografado, usado durante as gravações!

Se ainda estiver se perguntando o porquê de tamanha dedicação a essa altura da vida? Em entrevista on-line para a revista britânica Wheels Scene, dias antes do acidente, Shima falou sobre a série e os motivos para fazer um vídeo tão pesado. Para nós da Vanguarda poucas frase já resumem o que Shima estava pensando sobre The 666 Series. Mas vale a pena ler a entrevista completa na Wheels Scene!

Essa é uma nova forma das pessoas apoiarem diretamente seus patinadores favoritos”

Faz um tempo desde que lancei uma sessão completa e eu realmente queria me desafiar, ser mais profundo na cena, sair com alguma coisa que valesse a pena.”

Achamos que sabemos o que valem 6 dólares e não temos dúvida de que nós podemos fazer valer o dinheiro pago.”

– Brian Shima

São apenas $6 dólares para ter um dos vídeos mais pesados dos últimos tempos e ainda ajudar diretamente um patinador que tem se sacrificado para manter viva nossa cultura. Nós da Vanguarda apoiamos The 666 Series!

Em todos os sentidos

Marcas e Parcerias | SSM

Somos parte dessa comunidade onde o posicionamento vale mais que os benefícios comerciais que podemos obter de cada marca. Exatamente por isso, escolhemos cada uma delas de forma consciente e com muito carinho. São empresas idealizadas e comandadas por patinadores que ajudaram a criar o Patins Street tal com o vivemos, estão ligados visceralmente à nossa cultura, o que é fundamental. Vamos apresentar uma a uma as nossas escolhas e parcerias.

Shima - VanguardaA primeira e mais importante delas, a Shima Skate Manufacturing (SSM), é a responsável por nossos patins. Somos os distribuidores exclusivos no Brasil e queremos colocar um SSM no pé e no coração de qualquer patinador interessado em fazer parte dessa comunidade. Fundada em 2011 pelo lendário e respeitado patinador de street Brian Shima, a SSM é uma verdadeira família em prol da nossa cultura, são literalmente membros de sangue, os assim chamados Bloodlines. Patinadores igualmente respeitados que se juntaram a SSM por vontade de fazer parte de algo mais verdadeiro.

Mas vamos aproveitar a proximidade para deixar o próprio Brian Shima expor seu posicionamento em relação à cena e como ele vê a parceria com a Vanguarda:

“Quando uma empresa não se baseia em lucros, mas sim em algo mais profundo e mais significativo, como um ideal cultural, pode ser difícil encontrar parceiros que pensem de modo parecido. Na SSM nós deixamos de encarar o patins street como uma indústria (principalmente porque não há nada de industrial nele) e começamos a encará-lo como uma comunidade. Tudo o que nos resta é a comunidade da qual somos parte. O patins foi marginalizado a um ponto em que só mesmo um idiota ou alguém que ame muito essa comunidade, tentaria viver dessa cultura (tirar dele seu sustento, sobreviver dele, fazer disso sua vida). Essa paixão pela comunidade é difícil de encontrar igual. A Vanguarda incorpora paixão, cultura, rebeldia, e o mais importante, a própria comunidade. O mercado é apenas o meio para conseguirmos as ferramentas que precisamos para sermos ativos nessa comunidade. Quando nós encontramos um parceiro que não só encara os “negócios” como nós, mas que também está levando essa comunidade ao seu máximo, à 6000 km de distância daqui, sem falar a mesma língua, nós soubemos que estávamos no caminho certo. Se para você a cultura do patins street é mais do que um logo na sua camisa ou do que o material de que seu patins é feito, você tem irmãos no Brasil.

– Brian Shima

 

E para quem quiser saber mais sobre essa relação com o Brasil, que já existe há um tempo, pode conferir no site deles: www.shimamanufacturing.com e para ver os produtos da SSM clique aqui.

Em todos os sentidos

Vanguarda | Em todos os sentidos!

Um pulso fechado erguido em sinal de luta pela consolidação de uma cultura nova, porém crescente, que definiu a rua como seu local de afirmação. Trabalhamos somente com a modalidade que faz nossos corações pulsarem, somos uma loja de Patins Street e mesmo que isso nos coloque em oposição às tendências do mercado, vamos sempre nos mover nessa direção. Trabalhar e patinar para ir além, criar e recriar constantemente, queremos expandir esse mercado, romper com o tradicional e apresentar o não convencional. Mais do que o ciclo básico de comprar e vender, ser referência é também nossa vontade; ir ao encontro de tudo que compõe nossa cultura: arte, cinema, música, a rua.

Escolhemos as marcas que distribuímos pelo seu posicionamento, com base no que elas representam e oferecem para o fortalecimento do Patins Street no Brasil e no mundo. O que vai muito além de especialização e produtos tecnologicamente desenvolvidos, pois a qualidade de cada marca é uma consequência lógica de sua formação e desenvolvimento. Não é mais uma questão simplesmente técnica, esse patamar de preocupação já foi superado no decorrer da nossa história. A evolução dos produtos é apenas uma parte de um movimento muito maior de afirmação cultural, do qual buscaremos sempre fazer parte.

Não somos atletas representando um esporte. Vivemos outra cultura, na qual treinos e competições não têm tanta importância, mas respeitamos quem compete por vontade de vencer os seus próprios limites. Surgimos com a rebeldia do posicionamento na contracultura do ‘esporte’ e a coragem de nos colocarmos como referência para quem acredita em outros caminhos. Vivemos a cada minuto nossas escolhas, vivemos o Patins Street!

Em todos os Sentidos.

Vanguarda!